Equipe trabalhando na indústria de alimentos para gerar o relatório de gestão

Relatório de gestão: confira os 7 melhores na indústria de alimentos

O relatório de gestão na indústria de alimentos é uma poderosa ferramenta que permite uma visão holística do desempenho das operações. Além disso, esse recurso também auxilia na tomada de decisões, o que permite menor risco para a empresa ao incorporar mudanças nos seus setores — seja o departamento de produção, logística, vendas, entre outros.

Neste artigo, vamos falar sobre a importância desse documento no setor alimentício e listar alguns dos principais relatórios para acompanhar. Ficou interessado? Então continue a leitura!

Entenda a importância do relatório de gestão na indústria de alimentos

Você já ouviu a expressão: “os números não mentem”? A análise de dados é fundamental para avaliar o desempenho de uma empresa e tomar as decisões certas.

O relatório de gestão é um importante recurso não apenas na indústria de alimentos, mas em diversos setores. Com ele, é possível identificar falhas e oportunidades e, assim, traçar novas estratégias para a empresa.

No entanto, vale ressaltar que é preciso saber interpretar os dados para que eles realmente possam trazer insights importantes para o negócio.

Para isso, é preciso analisar diversos elementos, e não apenas uma métrica isolada. Assim, será possível cruzar as informações para, então, chegar a conclusões precisas.

Confira 7 tipos de relatório de gestão essenciais na indústria de alimentos

Há uma série de relatórios de gestão que as empresas da indústria de alimentos podem usar a seu favor. Confira os principais deles!

1. Índice de Qualidade do Fornecedor (IQF)

Na indústria de alimentos, as certificações são muito valorizadas. O fornecedor da mercadoria tem muito mais chances de fechar vendas e fidelizar seus clientes quando mantém um bom IQF — o Índice de Qualidade do Fornecedor.

Esse relatório permite controlar a procedência dos insumos utilizados no produto e qualifica as empresas fornecedoras. Assim, o comprador tem certeza da integridade da operação e do produto final.

2. Margem de contribuição

A margem de contribuição é outra métrica importante para a indústria de alimentos. Esse dado permite que a empresa tenha uma noção mais clara do que, exatamente, contribui mais para a lucratividade da organização. Pode-se, por exemplo:

  • avaliar qual o produto tem a maior saída;
  • identificar qual a região que realiza mais vendas;
  • analisar qual o vendedor que mais contribui para a empresa nesse sentido.

Assim, é possível realizar mudanças que se ajustem à demanda e obter melhores resultados com isso.

3. Rastreabilidade

O relatório de rastreabilidade ajuda no controle de lotes que entram e saem da empresa. Esses dados são essenciais para garantir que as mercadorias sejam estocadas e comercializadas de acordo com todas as conformidades do negócio.

4. Faturamento

Em toda empresa, o faturamento é um dado fundamental de ser avaliado. No entanto, essa informação, isoladamente, pouco contribuirá para identificar as causas das suas variações.

Por isso, é importante tentar entender tais flutuações:

  • Os períodos de baixa têm alguma relação com a sazonalidade?
  • Os períodos de alta estão relacionados às campanhas de marketing?
  • O que aconteceu de diferente a cada mês para justificar as variações no faturamento?

Essas perguntas são muito importantes para traçar um planejamento estratégico eficiente.

5. Ressuprimento

O relatório de ressuprimento é uma importante ferramenta para que os gestores possam acompanhar seus pedidos e atender com eficiência a demanda.

Powered by Rock Convert

Além disso, ele também permite avaliar a possibilidade de otimização de recursos, garantindo que a mercadoria chegue mais rápido ao ponto de venda.

6. Fluxo de caixa

Da mesma forma que é preciso avaliar o faturamento da empresa, o fluxo de caixa também deve ser analisado periodicamente.

Essa análise permite que a companhia identifique seus principais custos e despesas, o que pode ajudar muito na hora de reduzir os gastos.

7. Produtividade

Os relatórios de produtividade também são importantes documentos para entender se a operação é eficiente. Para isso, será preciso determinar quais métricas deverão constar no relatório para que seja possível obter respostas precisas.

Dessa forma, é possível analisar se o número de entregas aumentou ou diminuiu dentro de determinado período e, então, cruzar os dados para tentar entender se houve algum fator externo que contribuiu para esse efeito.

Saiba por que é importante optar por opções de relatório de gestão automatizados

Os relatórios automatizados são excelentes recursos de análise. Além de fornecerem um grande volume de dados, algumas ferramentas também dispensam o uso de mão-de-obra para atividades operacionais.

Assim, ao optar por softwares que geram relatórios automatizados, a empresa só se preocupa com o tratamento e análise dos dados, e não tanto com a coleta das informações propriamente ditas.

Entenda alguns dos benefícios de optar pelo uso dessa ferramenta!

Precisão nas informações

Quando corretamente configurado, um software é capaz de fornecer informações com muito mais precisão, já que a ferramenta está constantemente coletando dados.

Isso permite que seja realizada uma análise mais consistente, o que leva para uma tomada de decisão segura. Além disso, a automatização também reduz o risco de erro humano nos relatórios.

Economia de tempo

Os relatórios automatizados dispensam a necessidade de mão-de-obra para a realização de tarefas operacionais, como: preenchimento de informações em campos de planilha, revisão dos números, entre outros.

Isso não apenas economiza o tempo dos colaboradores, como permite que eles possam focar em outras atividades e aumentar sua produtividade.

Cruzamento de dados

Os relatórios automatizados também podem cruzar as informações geradas, o que permite que a empresa chegue a determinadas conclusões com muito mais agilidade. Dessa forma, é possível agir antecipadamente antes que as falhas identificadas escalem, e assim otimizar as operações.

O relatório de gestão pode fornecer informações cruciais para empresas da indústria de alimentos. O documento auxilia os diretores da organização a traçar um plano estratégico eficaz e na tomada de decisões complexas, como a redução de custos ou a necessidade de novos investimentos.

Por isso, é fundamental optar por um software que faça uma compilação dos dados mais importantes para a empresa, de modo que ela possa utilizar essas informações a seu favor e implementar as mudanças necessárias para o seu crescimento.

E então, gostou do nosso artigo? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Então preencha agora o formulário para falar com um de nossos consultores e conhecer tudo que a plataforma Checklist Fácil pode oferecer para sua análise de dados e relatórios!

banner de pedido de orçamento
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This