Qual a importância da gestão de cobranças e faturamentos na empresa?

Sua empresa mantém uma boa gestão de cobranças e faturamento? Essa prática é essencial para garantir a saúde financeira da organização e assegurar a expansão do negócio. 

Para tanto, é necessária uma série de ações e processos que viabilizem a entrada de todos os pagamentos e evitem a inadimplência. Neste artigo, vamos aprofundar a importância de uma administração financeira eficiente e dar dicas de como manter uma boa gestão de cobranças e faturamento. Ficou interessado? Então continue a leitura!

Entenda a importância da gestão de cobranças e faturamento

Nem sempre um faturamento elevado corresponde a uma boa lucratividade nas empresas. Afinal, todo negócio também acompanha uma série de despesas e, por isso, é preciso muita atenção para administrar as finanças de uma organização.

Entenda como a gestão de pagamentos pode impactar todo o setor financeiro da companhia.

Maior controle sobre o fluxo de caixa

Uma gestão eficiente garante um melhor fluxo de caixa. Isso quer dizer que a empresa utiliza seus próprios recursos financeiros para pagar as suas despesas mensais e não precisa depender de crédito e empréstimos, por exemplo. 

Recuperação de clientes inadimplentes

Ficar atento às cobranças pendentes pode ajudar na recuperação de clientes inadimplentes e inativos.

A empresa pode oferecer soluções diferenciadas de pagamento para compradores fiéis que, por algum imprevisto, tenham faltado com o seu compromisso de pagamento. Isso não apenas ajuda a recuperar o cliente, como fortalece o laço com o consumidor. 

Viabilização de soluções de negociação

Um bom controle financeiro também ajuda a identificar quais são as principais causas para a inadimplência e agir de forma proativa para prevenir esse problema.

Para isso, pode-se reajustar a tabela de preços, oferecer diferentes alternativas de pagamento, fazer uma análise de crédito do cliente antes de fechar um contrato, entre outras soluções.

Confira os riscos da má gestão de cobranças e faturamento

A má gestão financeira pode colocar o negócio em sério risco: além de acumular dívidas, a empresa também pode estagnar. 

Abaixo, listamos os principais problemas que podem ocorrer em decorrência de uma administração falha e explicamos suas consequências. 

Endividamento da empresa

Quando a despesa da empresa é maior que o seu faturamento, é comum recorrer às alternativas mais imediatas: créditos e empréstimos.

O que ocorre é que, se a tomada do recurso não for muito bem planejada, a empresa pode se endividar seriamente. Tais dívidas podem, a longo prazo, comprometer a organização a ponto de ter que recorrer à recuperação judicial. 

Inviabilidade de investir no negócio 

Outro risco que a má gestão financeira oferece à companhia é a inviabilidade de investir continuamente no negócio.

A empresa deixa de investir em uma série de recursos vitais para o seu funcionamento, como mão de obra qualificada e ferramentas de automação. Isso pode prejudicar seu desempenho frente à concorrência e fazer com que ela perca mercado.

Estagnação 

O resultado da falta de investimentos na empresa pode, portanto, levá-la à estagnação: a organização deixa de crescer, inovar e expandir e, aos poucos, perde espaço para seus competidores. 

Entenda como desenvolver uma boa gestão de cobranças e faturamento

Para evitar os cenários acima, há uma série de medidas que a sua empresa pode implementar para manter uma boa gestão de cobranças e faturamento. Confira abaixo!

Crie processos de cobranças

Estabelecer processos de cobranças é fundamental para garantir a entrada de todos os pagamentos.

Para isso, a equipe do setor financeiro deve se reunir para organizar quais serão as medidas adotadas para prevenir a inadimplência e, ainda, quais serão as ações tomadas com clientes que faltaram com o compromisso. 

Padronize abordagens 

Uma abordagem falha é um dos principais motivos pelos quais certos clientes permanecem inadimplentes.

Além de uma comunicação objetiva e empática, é preciso que a empresa oriente bem o consumidor sobre os riscos que ele corre ao faltar com o pagamento — como, por exemplo, o cancelamento do serviço — e o que ele pode fazer para quitar a sua dívida.

Utilize um software de gestão

Investir em um software de gestão é uma excelente medida para automatizar processos e cobrança, tais como: emissão de nota fiscal, emissão de boleto bancário e envio de notificações de vencimento da cobrança ao cliente.

Com a ferramenta, o setor financeiro fica livre das cobranças recorrentes que estão em dia e pode focar os seus esforços nos clientes inadimplentes. 

Estabeleça metas de cobranças e recebimentos

Definir metas é uma importante iniciativa para alcançar objetivos satisfatórios. Para isso, pode-se criar uma projeção de faturamento que estima qual seria o volume de entradas caso todas as cobranças e recebimentos fossem zerados.

Dessa forma, é possível estruturar um plano de ação mais efetivo para cumprir com o planejamento. 

Ofereça diferentes condições de pagamento ao cliente

Uma boa forma de manter os pagamentos dos clientes em dia é lhes oferecendo diferentes alternativas. Pode-se, por exemplo, propor ao consumidor que suas pendências sejam parceladas.

Dessa forma, mesmo com a incidência de juros, a parcela que ele terá que pagar é menor — o que pode ajudar a fazer com que cumpra com o seu compromisso. 

Outra solução é oferecer descontos para pagamentos à vista e diferentes métodos de pagamento, como cartão de crédito e boleto bancário. 

A inadimplência é um problema sério no Brasil: em 2018, o número de consumidores com pendências no nome chegou a 61,8 milhões. Tais dados revelam o quão importante é para as empresas tomar medidas preventivas a fim de evitar que esse cenário se torne algo frequente e prejudique o negócio.

Uma boa gestão de cobranças e faturamento é fundamental para garantir que os consumidores cumpram com os seus compromissos e que a organização mantenha uma boa saúde financeira. 

Além disso, a medida também é importante para avaliar se a própria companhia administra corretamente as suas entradas e saídas. Isso garante que os recursos sejam bem geridos e que a empresa invista nas ferramentas certas para promover o crescimento contínuo do negócio.

Gostou do nosso artigo sobre gestão de cobranças e faturamento? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter para receber nossos conteúdos e acompanhar todas as dicas e novidades!

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This