Checklist para hotelaria: saiba qual a importância e como fazer

Checklist para hotelaria: saiba qual a sua importância e como fazer

Em rotinas administrativas corridas, como a de hotéis, não relacionar todas as demandas pode ser um erro. Diante de tantas obrigações, o checklist para hotelaria é uma ferramenta de grande valor!

Qualquer detalhe esquecido ou negligenciado pode impactar o atendimento ao hóspede, porque é algo que não é bom para a reputação.

No atendimento do check-in, na limpeza dos quartos, em checagens de instalações e em diversos outros momentos, é importante ter um controle. Isso proporciona um trabalho bem executado, sem falhas e que entregue um serviço de qualidade ao hóspede.

Veja, neste post, como usar um checklist no cotidiano da hotelaria!

O impacto positivo do uso do checklist para hotelaria

No dia a dia agitado do setor hoteleiro, erros podem acontecer. No entanto, problemas de qualquer origem têm impacto direto na satisfação do hóspede. Se ele sente que o atendimento ou as instalações não são adequados, isso pode gerar uma avaliação ruim.

Cada detalhe deve ser valorizado e, por isso, o checklist para hotelaria se torna uma ferramenta tão indispensável. Na prática, ela ajuda a otimizar o trabalho de funcionários de diferentes setores.

O impacto positivo de aplicar a ferramenta se dá em duas maneiras: na manutenção das boas condições das instalações e na oferta de um serviço impecável aos clientes.

As possibilidades de uso desse recurso

O que torna o checklist para hotelaria uma ideia ainda mais valiosa é a amplitude de possibilidades de uso.

Em cada setor, ela terá um importante papel. E de forma geral, o estabelecimento é capaz de obter um desenvolvimento completo.

A seguir, veja em quais processos de rotina essa ferramenta será importante:

1. Controle da recepção

O atendimento na recepção, especialmente durante o check-in, gera a primeira impressão no hóspede. Internamente, o hotel deve se certificar de que o trabalho nesse momento seja bem executado.

Além disso, é importante controlar se a região do saguão principal do hotel está funcionando adequadamente.

Com isso, supervisores podem usar o checklist para avaliar o atendimento dos recepcionistas, a abordagem diante do hóspede e se esses funcionários usavam crachás e uniforme, por exemplo.

Por isso, é importante avaliar se o local estava limpo e organizado, se o ar-condicionado funcionava, entre outros pontos.

2. Limpeza, preparação e manutenção dos quartos

Outra obrigação importante, a limpeza e a arrumação dos quartos é fundamental para a chegada do hóspede. Portanto, essa prática tem um impacto muito grande na avaliação do hotel e pequenos detalhes podem comprometer.

Os supervisores da governança devem ter uma lista que os ajude a conferir tudo o que precisam checar e preparar dentro dos quartos.

Esse trabalho também consiste na checagem do funcionamento das instalações. Itens como chuveiro, luzes, torneiras, frigobar, conexão wi-fi, descargas e outros devem ser devidamente testados.

Assim, com um checklist completo, os funcionários têm a certeza de entregar uma acomodação pronta ao hóspede.

3. Rotina da cozinha

A cozinha é um lugar muito movimentado no hotel! Para atender aos hóspedes, é preciso checar detalhes importantes, desde o estoque dos alimentos até a conservação dos mesmos.

Por isso, no checklist, é importante que haja essas rotinas devidamente relacionadas para que a conferência seja feita na troca de turno.

Também é necessário haver checagens em relação aos pratos e refeições servidas. A experiência gastronômica faz parte do que o hóspede espera e toda atenção é necessária nesse trabalho.

Os chefs devem estabelecer checklists que ajudem a verificar se o preparo e a apresentação está dentro dos padrões.

4. Manutenção geral do hotel

O checklist para hotelaria também deve ter uma função mais ampla, diretamente dedicada às instalações, equipamentos e conservação do estabelecimento.

Isso garante a segurança e o bem-estar do hóspede, além da parte estética. A gerência deve definir quem serão os responsáveis por essa ronda com o suporte do checklist.

Entre esses itens gerais de áreas comuns, como saguão, elevadores e corredores, é necessário verificar alguns como:

  • limpeza das paredes e carpetes;
  • funcionamento do ar-condicionado central;
  • conservação e funcionamento dos elevadores;
  • funcionamento do wi-fi nas áreas comuns;
  • recursos de acessibilidade;
  • placas e sinalizações;
  • cumprimento de normas sanitárias;
  • manutenção da piscina, sauna, instalações esportivas e áreas de lazer.

Os 4 benefícios do uso do checklist

Implementar o uso do checklist para hotelaria traz ganhos muito valiosos para os hotéis. Do atendimento otimizado até a satisfação completa dos hóspedes, tudo tem importância na credibilidade da empresa no mercado. A seguir, veja como o checklist se torna importante às rotinas!

1. Boas avaliações na web

A internet é uma importante ferramenta para os hotéis. As avaliações de usuários têm grande impacto na rede hoteleira, sendo capazes de garantir uma boa reputação. Se o checklist é implementada, naturalmente esses processos do dia a dia serão otimizados, trazendo bons resultados.

Além disso, impacta positivamente as avaliações e pode impulsionar uma rede de hotéis ou reforçar a marca de uma já estabilizada. É pela internet que os hóspedes manifestam sua satisfação e por onde buscam as recomendações.

2. Controle eficaz de terceirizados

Muitos hotéis trabalham com funcionários terceirizados, então é sempre importante controlar se eles estão cumprindo com os parâmetros de trabalho. O uso do checklist dá essa vantagem competitiva para gerentes e outros funcionários porque cumpre com essa necessidade.

O recurso permite verificar se os colaboradores terceirizados estão usando equipamentos como os EPIs (Equipamento de Proteção Individual), se utilizam itens como luvas e toucas, entre outros.

Assim, há a certeza de que os padrões recomendados são cumpridos.

3. Conservação das instalações e equipamentos

Conservar equipamentos e instalações do hotel tem um impacto direto nas finanças da empresa. Então, quanto mais cedo um problema for verificado, maiores as chances de solucionar, sem que isso cause maiores prejuízos.

Em longo prazo, o uso de um checklist para hotelaria significa melhor gestão do patrimônio, garantindo assim uma estrutura adequada aos hóspedes e a redução de custos.

4. Agilidade no atendimento

Seja na chegada, seja na saída, hóspedes estão sempre em busca de um atendimento ágil. O cansaço do check-in e a pressa no check-out são compreensíveis e isso deve ser refletido no modo de trabalho.

Dessa forma, os checklists ajudam a executar esses processos mais rapidamente. Por isso os itens são devidamente listados e cada etapa é seguida de forma simples pelo funcionário.

Isso resulta em menor tempo nessas atividades e maior satisfação do cliente.

Assim, é fácil entender como um checklist para hotelaria faz diferença no bom atendimento e em boas avaliações por parte dos hóspedes. Tudo funciona melhor e a rotina do estabelecimento acontece sem maiores problemas.

Que tal um checklist para hotelaria digital, personalizável e eficiente? Com a Checklist Fácil, é possível colocar isso em prática, notificar os responsáveis e registrar evidências através de fotos e comentários. Conheça os detalhes e comece a usar o quanto antes!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This